Como a cultura impacta em resultados da organização?

Mariana Gardenal

Learning Designer

Em tempos de crise é que vemos a força de uma empresa. Os abalos do mercado mostram quem é realmente forte. No entanto, ninguém contava com uma pandemia, que mudou as relações pessoais e, claro, profissionais. Mas esta é a hora de ver a força de uma cultura organizacional. Será que ela realmente impacta nos seus resultados? E em momentos de home office, os colaboradores conseguem mantê-la?

É comum que muitos gestores não deem a devida importância à cultura organizacional. Mas é nos momentos mais difíceis que ela se mostra necessária para transformar as organizações. Neste post, vamos entender mais como a cultura impacta nos resultados de uma empresa. Confira:

O que é cultura organizacional?

São as crenças, hábitos e valores desenvolvidos em sua empresa. Ela une todos em um único objetivo, do estagiário ao CEO, que faz com que a organização vá em frente e seja referência tanto para clientes quanto para profissionais que desejam trabalhar nela.

Uma cultura organizacional bem trabalhada costuma aparecer no planejamento estratégico de uma empresa. É nele que constam objetivos, missão, visão e valores da organização, além de outros fatores mais palpáveis no dia a dia, como o dresscode e o relacionamento entre profissionais e gestores.

Para transformar a cultura da sua empresa, é preciso entendê-la atualmente. Quais os hábitos, crenças e visões dos seus colaboradores hoje? O que está certo? O que deve ser eliminado? Ouvir o trabalhador é o ponto-chave, pois é por meio do comportamento dele que se criam os hábitos diários.

Como a cultura impacta nos resultados da sua empresa?

Veja por que investir na cultura da sua empresa traz resultados positivos a colaboradores e gestores:

Home office

O trabalho remoto é uma prática usada por algumas empresas. Com a chegada da pandemia, ele se tornou essencial para a sobrevivência de diversos negócios. Apesar da adoção repentina, uma cultura organizacional forte deve permanecer mesmo a distância.

A cultura é implementada com a sinergia de práticas, mas a falta de proximidade física do home office pode, num primeiro momento, fazer com que ela perca a força. É nesta hora que você deve mostrar que confiança é a chave de uma empresa humanizada. Portanto, aproveite o home office para demonstrar que o que importa é o resultado, e não a cobrança.

Quando a cultura organizacional é forte, os gestores estão abertos a entender que a rotina profissional dentro de casa pode ser confusa para quem ainda não está acostumado, e que todos vão trabalhar juntos para que a adaptação a essa nova rotina seja mais tranquila.

Comunicação

Além disso, a comunicação é o ponto forte da cultura organizacional. Atribuições, tarefas, reuniões, recursos digitais; todas essas informações e recursos devem ser divulgados e explicados claramente a todos os profissionais envolvidos.

A falta de clareza é porta de entrada para ruídos comunicacionais e enfraquecimento de uma cultura organizacional saudável. Se os colaboradores não sabem com clareza o que devem fazer, o que está acontecendo com a empresa e como o desempenho deles têm sido avaliado, insegurança e boatos começam a surgir.

Planos de carreira

Um dos maiores atrativos para profissionais que visam ao desenvolvimento profissional é o plano de carreira — um programa de crescimento estruturado pela empresa, que estipula o caminho que o colaborador pode traçar dentro da empresa. Ele une os interesses do indivíduo e do coletivo, garantindo que ele desenvolva potenciais que serão utilizados em seus futuros cargos internos.

Além de valorizar o talento que está entregando seus esforços para a empresa durante 8 horas diárias, a empresa desenvolve habilidades em um colaborador que já conhece a cultura organizacional. Afinal, não é muito mais fácil trabalhar com uma equipe conhecida do que contratar outras pessoas e esperar que elas desenvolvam aquilo que você deseja?

Existem diferentes tipos de plano — alguns até desenvolvidos pelos próprios colaboradores. Cabe à empresa ver qual o modelo mais adequado para sua cultura.

Viu como é importante desenvolver a cultura organizacional? E se você deseja implementá-la já na sua empresa, conheça as soluções da Building 8.